Notícias

Imagem

8º Congresso Estadual da Força-PR: Central define rumos da entidade e intensifica luta contra os ataques aos direitos trabalhistas

Também foi eleita a nova diretoria (2018/21) e debatida as propostas para o Congresso Nacional da Força Sindical que acontece em junho 

O 8º Congresso Estadual da Força-PR, realizado hoje em Matinhos, no litoral do Paraná, teve como foco principal o debate e a luta contra as reformas trabalhista e previdenciária, orquestradas pelo patronal e pelo Governo Federal. Também foi eleita a nova diretoria da regional paranaense para o quadriênio 2018/21 e debatida as propostas para o Congresso Nacional da Força Sindical que acontece nos dias 12,13 e 14 de junho, em Praia Grande (SP).   

A abertura do 8º Congresso contou com a participação de lideranças sindicais nacionais da Força Sindical que analisaram o atual momento marcado pelos fortes ataques aos direitos trabalhistas e também sobre as recentes mobilizações nacionais dos dias 15 de março e 28 de abril.

“Essa nossa unidade foi fundamental para chamar a sociedade para a nossa luta. A mídia ganhou ibope na nossa greve geral. Demos um passo importante. É fundamental debatermos com os trabalhadores, pois 2018 vêm aí”, analisou o secretário geral da central, Joao Carlos Gonçalves, o Juruna.

“Dia 28 de abril superou as nossas expectativas e a grande imprensa não conseguiu esconder a greve geral. Por isso temos que continuar com fortes mobilizações na base”, sinalizou Sérgio Luiz Leite, 1º secretário da Força. “Vocês do Paraná estão de parabéns pela mobilização do dia 28 de abril. “Vamos estar juntos pelos nossos direitos por melhores condições de trabalho e salário”, enfatizou Joao Batista Inocentini, presidente licenciado do Sindicato Nacional dos Aposentados (Sindnapi).

O presidente eleito da Força-PR, Sérgio Butka, analisou positivamente o Congresso Estadual “a realização deste Congresso é fundamental para a classe trabalhadora do estado. Estamos passando por um momento de fortes ataques aos direitos trabalhistas. As reformas que estão em tramite no Congresso representam um grande retrocesso para o trabalhador. Por isso a importância de definirmos e intensificamos os rumos da central em meio a um mar revolto do qual atravessa o movimento sindical”.     

Analise das reformas

Também no período da manha assessores do movimento sindical nacional analisaram as reformas trabalhista, previdenciária e da nova lei da terceirização. Palestraram o diretor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), Clemente Ganz Lucio e o advogado trabalhista, Iraci Borges.

 “Se não pressionar o caixa das empresas que devem bilhões não dá para discutir a reforma da previdência. E tem empresa que não existe mais, e aí vai cobrar como? “, questionou Clemente sobre a divida das 500 empresas que oneram de forma drástica os caixas da Previdência. Ele também disparou contra a famigerada reforma trabalhista, “a reforma é necessária no ponto de vista deles pelo simples fato de rebaixar o custo de um trabalhador brasileiro para um operário chinês, que ganha em média 60 dólares por mês”.

“Não tivemos nenhuma oportunidade de discutir essas emendas sugeridas pelo patronal na reforma trabalhista”, frisou Iraci, que também ressaltou a importância da greve geral dia 28 de abril. “Nesta data conseguimos de certa forma contaminar a sociedade para dar nome aos bois e mostrar quem está trabalhando contra a classe trabalhadora”.  

(Veja estas palestras em breve em: youtube.com/metaltvsmc)   

Painéis

No período da tarde os dirigentes debateram oito painéis com os seguintes assuntos:

I - Agenda programática da central e ação sindical para os  próximos 04 anos;

Coordenador: Anderson Teixeira - Presidente do Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Curitiba;

Secretario:

II As políticas de incentivo ao crescimento da economia e ao desenvolvimento do país

Coordenador: Cid Cordeiro – Economista

Secretario: José Ricardo leite Presidente da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Vestuários do Paraná

III A reforma da legislação trabalhista, da previdência social e da organização sindical

Coordenador: Iraci da Silva Borges – Advogado Trabalhista

Secretario: Epifânio Magalhães de Oliveira

IV A política internacional da Força Sindical

Coordenador: Antônio Sérgio Farias Presidente da Federação dos Trabalhadores em Alimentação do Paraná

Secretaria – Regina de Cássia Guimarães – Presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário de Curitiba e Região

V As iniciativas orientadas ao fortalecimento da Força Sindical

Coordenador: Ariosvaldo Rocha – Presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Curitiba e Região

Secretario: Osvaldo da Silva Silveira – Diretor SMC

VI A proposta da direção da central de alteração estatutária

Coordenador: Jamil Davila – Secretário Geral da Força Sindical;

Secretaria: Neuralice Cesar Maina Presidente do Sindicato das Secretárias do Paraná

VII - As diretrizes políticas e organizacionais específicas da força sindical do Parana

Coordenador: Divanzir Chiminacio Presidente da Federação dos Contabilistas do Paraná

Eleição e posse

No final da tarde foi realizada a eleição e a posse da direção e da executiva estadual, conselho fiscal e respectivos suplentes da Força Sindical Paraná para um mandato de 04 anos.\

Veja a lista abaixo:

Presidente

Sérgio Butka

Vices Setoriais e Regionais

Anderson Teixeira, Antonio Sergio Farias,  Ari Martins Da Silva Pinto, Ariosvaldo Rocha, Divanzir Chiminacio,  Epifânio Magalhães De Oliveira, José Ricardo Leite, Nelson Silva De Souza, Sebastião Raimundo Da Silva, Sergio Gonçalves De Lima

Secretário Geral

Jamil Davila

Secretária Geral Adjunto

Paulo Jose Zanetti

Secretário de Finanças / Tesoureiro Geral

Rubens Jose Stelmak

Secretário de Finanças Adjunto

Romerio Moreira Da Silva

Secretário de Relações Sindicais

Alfani Alves

Secretário de Formação Sindical

Pedro Celso Rosa

Secretário de Formação Profissional e Política de emprego

Valdir De Souza

Secretário de Comunicação e Imprensa

Gerson Luiz Vuicik

Secretário de Assuntos Previdenciários

Região Norte: Antonio Dias Lobato

Região Sul: Roberto Eduardo Eltermann

Região Noroeste: Santo Batista De Aquino

Região Oeste: Marlene Benedita Brochado De Marchi

Secretaria de Mobilização e Movimentos Sociais

Paulo Roberto Dos S.Pissinini Jr

Secretaria de Saúde e Segurança no Trabalho

Osvaldo Da Silva Silveira

Secretário de Assuntos Agrários

Alceu José dos Santos

Secretaria da Mulher

Região Norte: Rosa Marques Dos Santos

Região Noroeste: Cleonice Caetano

Região Sul: Neuralice Cesar Maina e Maristela Aparecida Antunes

Região Oeste: Madalena Maria G.Da Silva

Secretário da Juventude, Criança e Adolescente

Gilson Ricardo Santos Batista

Secretário de Direitos Humanos e Raciais

Pedro Paulo Da Silva

Secretário de Políticas Públicas e Parlamentar

Renato Bertapelli

Secretário de Defesa do Consumidor

Ademir Carlos Galvão De Oliveira

Secretário de Meio Ambiente

Valdecir Ribeiro Mendes

Secretaria dos Setores Econômicos

Vestuário: Regina De Cássia Guimarães

Metal Mecânico: Claudio Gramm

Alimentação: Roberto Pino De Jesus

Contabilistas: Vilson Oliveira De Souza

Transporte: Luiz Carlos De Oliveira

Comércio: João Batista De Oliveira

Químicos: Francisco Rodrigues Sobrinho

Estivadores: Everson Fernando de Farias

Bebidas: Jorge Luiz Pitella

Previdência Social: Sergio Batista De Paula

Conselho Fiscal Efetivo

Zeli Terezinha Zoppo

José Antonio De Marchi
Carlos Roberto Duarte

Raul Erlon Candido

Conselho Fiscal Suplente

Vanusa Pereira Coelho

Suzana Beatris Guthner Arrua

Edwiges de Oliveira

Eliane Rodrigues de Camargo Seguro

 

 

 

 

 

 

 

 

Veja as fotos dessa notícia

Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem

Comente esta notícia

Desenvolvido por Agência Confraria