Notícias

Imagem

SMC é visto como referência em saúde e segurança por especialista norte americano

Nesta sexta-feira (11), o presidente do SMC Sérgio Butka e os representantes do setor de saúde e segurança do trabalhador do Sindicato estiveram reunidos com o PHD em saúde do trabalhador, Darius Sivin, da United Automobile Workers (UAW), entidade que representa trabalhadores nas montadoras dos Estados Unidos. Ele considerou o encontro positivo e elogiou a atuação do SMC quando a questão é saúde e segurança do trabalhador, principalmente o papel dentro das CIPAs nas fábricas. Para ele, o sindicato é uma das referências nessa área. 

“Uma coisa que percebi e que me chamou a atenção é que muitas das coisas que eu acho que faltam em alguns sindicatos, aqui nos metalúrgicos de Curitiba não faltam. Um bom exemplo disso é um treinamento dado pelo sindicato para os Cipeiros, que é algo que os outros sindicatos não fazem, mas que aqui nos metalúrgicos de Curitiba estão fazendo muito bem”, destacou o especialista.

A intenção do encontro era justamente a troca de experiências do SMC com os parceiros da UAW, que solicitaram a reunião para conhecer as políticas do sindicato para a saúde e segurança dos metalúrgicos. Osvaldo da Silva Silveira, diretor do SMC responsável pelo departamento de saúde, considerou a reunião foi importante para apresentar todos os detalhes da atuação de mais de 25 anos do departamento.

“Eles deixaram claro que escolheram os metalúrgicos de Curitiba porque somos conhecidos no Brasil todo por nossa atuação na área de saúde e segurança do trabalhador. Temos políticas claras e projetos fortes de prevenção”, explica o diretor. “Como eles falaram na reunião, a intenção deles é tentar levar algumas dessas nossas políticas que estão funcionando durante todos esses anos para lá”, completa.

Comente esta notícia

Desenvolvido por Agência Confraria